quinta-feira, 31 de dezembro de 2015

QUERIDO 2015.

Querido 2015,

É já com alguma nostalgia que olho para os 364 dias que vivemos. Posso ter iniciado esta nossa relação com alguns receios, quer pelos desafios profissionais que me esperavam, quer pela mudança de vida que obrigatoriamente me aguardava ao ser mãe no Verão, mas concluo que foi um ano muito positivo.
Trouxeste-me tanta coisa boa que jamais serás esquecido: fizeste-me mãe e ainda comprei a casa onde tenciono criar o(s) meu(s) filho(s). Tanta mudança num só ano! É certo que tem sido uma montanha russa de emoções com trabalho a acumular-se a cada segundo que passa, mas em breve espero ter tudo orientado.
Mas o teu último dia tem para mim um sabor agridoce: ao terminares, significa que termina também um ciclo, um ciclo enquanto mãe a tempo inteiro e isso assusta-me tanto. Assusta-me o regresso ao trabalho depois de tanto tempo parada, assusta-me a adaptação do meu filho ao infantário; assusta-me a minha adaptação a um novo horário e a novas tarefas; assusta-me o peso que tenho em cima do lombo e que anseio por perder; assusta-me essencialmente começar um ano tão assustada - Ghostbusters chamados à recepção!
Bem, é hora de ir preparar a sobremesa para levar mais logo para o jantar de amigos - agora que somos todos pais as aventuras são reduzidas! Fica o desejo de um dia ir festejar o Réveillon num país tropical qualquer! Ahahah!

Obrigada por tudo, obrigada por me fazeres feliz!
Muito grata,

Opinante

P.S. - Ups! Esqueci-me de comprar a cueca azul! Ando sempre nesta saga! Mesmo que não seja azul, para mim é obrigatório entrar no novo ano com lingerie nova! Lá vou eu terminar o ano a correr! Beijinhos!

---
BOM ANO MALTINHA!
QUE 2016 VOS TRAGA TUDO AQUILO QUE MAIS DESEJAREM!

quarta-feira, 30 de dezembro de 2015

AQUELE MOMENTO...

... Em que vais trocar 2 presentes (pensando que se trata de uma simples troca) e regressas a casa com os sacos mais pesados e a com carteira mais vazia.

Ora bem, em termos práticos:

* Troquei umas pantufas que me ficavam enormes por esta gabardina:


Apaixonei-me por ela, ainda por cima estava em saldos!!

*Troquei um lenço por esta mala e estes óculos - OH MEU DEUS A PARFOIS DESGRAÇA-ME!


E desse lado, fizeram alguma troca?

terça-feira, 29 de dezembro de 2015

DO NATAL: IGUARIAS E PRESENTES.

Santiago, o 4º Rei Mago

Pavlova

 Árvore de Natal folhada com gila e nozes

 Arroz Doce

Os nossos presentes: 
para ele uma parka Giovanni Galli, para mim 2 contas Pandora.


O primeiro Natal do Santiago foi vivido de forma intensa, com toda a família reunida - embora ele ainda não se aperceba da maioria das coisas. 
Para o ano com certeza que será bem mais especial com a euforia dos presentes.

quinta-feira, 24 de dezembro de 2015

quarta-feira, 23 de dezembro de 2015

COM A MÃO NA MASSA.

Ora vamos lá meter a mão na massa que o Natal está aí à porta!


A mim calhou-me fazer a salada de polvo, o arroz doce e a pavlova! 
E por aí? Já estão agarradas aos ovos e à farinha?
Vão confeccionar alguma coisa para a jantar de Natal?

Acho que me vou aventurar também numa árvore folhada..

Já alguém fez? Correu bem?

terça-feira, 22 de dezembro de 2015

AQUELE MOMENTO...

... Em que vais à festa de Natal do teu local de trabalho e és invadida por desejos (quer de funcionárias, quer de utentes) do teu regresso.

Ora, devo considerar isto como bom ou mau sinal?
Acho que estou a ficar com medo do que me espera...

segunda-feira, 21 de dezembro de 2015

QUERIDO, MUDEI DE CASA #8

O dia de ontem foi dedicado às compras para o escritório - posso não ter as prendas de Natal compradas, mas uma cadeira e uma secretária branca já tenho. Ups!


Prometo que amanhã será um dia propício para tal!
Nem pareço eu - eu sei! Pior, é que não sei o que comprar!
Desejem-me sorte!

quinta-feira, 10 de dezembro de 2015

ENTÃO É NATAL.

Pois que faltam 14 dias para o Natal. E se achavam que eu já tinha os presentes todos comprados, engaram-se. Faltam-me os principais: pais, sogros, cunhados e, ainda, o do marido.

Quer para os pais, quer para os sogros, oferecemos em anos anteriores os packs de escapadinhas para poderem aliviar o stress longe de tudo e todos. Mas este ano não estávamos com vontade de repetir a ideia. Posto isto, a dúvida que se coloca é: se não damos esse presente, damos o quê?

Para os cunhados já tenho algo em vista, o que vos parece uma massagem para o casal? Pedras quentes, ambiente calmo e tranquilo... se fosse eu, ia adorar!

Por último, para o maridão, não sei como faça este ano. Se por um lado temos gasto balúrdios com a casa (já não mencionando o facto de ter um filho, o que acarreta outros custos), por outro acho que é merecido um belo miminho - falta decidir o quê. Se pudesse (mesmo que fosse para usufruir daqui a um ano) oferecia uma viagem, mas neste momento temos outras prioridades para as quais queremos canalizar o nosso investimento - temos pena! Afinal de contas, não se pode ter tudo! No entanto, se houver por aí alguma empresa que queira patrocinar a nossa fuga, sinta-me perfeitamente à vontade!

Mas contem-me, já têm os presentes todos idealizados? 
O que vão oferecer ao vosso companheiro? E aos vossos pais? 

Vamos lá criar aqui uma partilha de ideias!!

segunda-feira, 7 de dezembro de 2015

ISTO DE SER MÃE #8

E a minha licença terminou. 
Caramba, como é que 150 dias passaram tão rápido?

Posto isto, hoje seria o meu primeiro dia de trabalho - o que seria no mínimo assustador. Felizmente, ainda tenho 22 dias de férias para gozar o que me permitirá ir trabalhar só para o ano e, assim, preparar-me para entrar novamente no activo, numa nova rotina que irá acarretar novos desafios também.

Foram simplesmente 150 dias mágicos, 150 dias de pura aprendizagem. Com o nascimento de um filho, uma pessoa sente-se uma montanha russa de sentimentos, onde o bom senso deve reinar acima de tudo. Mas o que é preciso é calma - direi isto vezes sem conta até porque me conforta a alma.

E no que é que a minha vida mudou? Ora bem, nestes últimos 150 dias posso dizer que:

  • Fui mãe;
  • Fiquei com estrias apesar do cuidado incansável que tive com a barriga;
  • Aprendi a gerir as opiniões alheias sobre todo e qualquer assunto;
  • Perdi 12kg - faltam-me perder 6kg + 3kg extra;
  • Soube que a criopreservação das células estaminais tinha sido efectuada com sucesso;
  • Comprei casa;
  • Vivi temporariamente nos meus sogros;
  • Aluguei o meu apartamento;
  • Comprei uma cama mais cara que uma viagem a Nova Iorque;
  • Aprendi a correr em casa;
  • Descobri que é possível fazer xixi em 3 segundos; 
  • Fui convidada para ir a um programa de televisão;
  • Dei por mim a aspirar com o Santi ao colo;
  • Não aconselho mudanças de casa com um bebé tão pequeno;
  • Ainda não retomei o taekwondo e duvido que possa regressar tão depressa;
  • Coloquei alarme em casa;
  • Tenho milhentas horas de sono em atraso;
  • Introduzi a sopa e a fruta após 150 dias de leite materno em exclusivo;
  • Ainda não decidi se coloco o miúdo no infantário ou na sogra;
  • Fizemos uma sessão fotográfica de recém-nascido e outra de Natal;
  • Anseio por voltar à minha forma física;
  • E poderia dizer tantas mais coisas - não tivesse ele acordado do seu mísero descanso.
Mas ser mãe é muito isto, é aprender a fazer as mais variadas coisas num curto espaço de tempo! Mas, como tudo, às vezes cansa e é preciso um momento de sossego, nem que seja por um valioso minuto. 
Ser mãe é maravilhoso, porém, também não vos iludo porque como em tudo há aspectos menos positivos que é necessário aprender a contornar. Se por um lado se trata de um teste pessoal, por outro é um teste ao casal e ao quanto é preciso estar unido para vingar e seguir em frente. 

Em suma, que venham mais 150 dias que eu já comprei a capa!

quinta-feira, 3 de dezembro de 2015

FACEBOOK - DÚVIDA.

Alguém me sabe dizer como posso fundir duas páginas numa só? O link que se encontra no facebook dá erro.

Isto porque tenho o perfil e a página com o mesmo nome e agora, o Sr. Facebook, não me deixa avançar se não fundir o perfil em página. Mas assim ficarei com duas páginas... Há por aí alguém experiente no assunto? Obrigada.

quinta-feira, 26 de novembro de 2015

ISTO DE SER MÃE #7

Se algum dia escrever um livro, o título certamente será:

Socorro, pari o Tarzan!



Este miúdo delicia-me com as suas experiências vocais,
excepto quando as tentas executar em plena madrugada.

 Fiquem atentas!

segunda-feira, 23 de novembro de 2015

SINAL VERDE.

Mais um. 
Ao que tudo indica ele volta ao IPO daqui a 11 meses para mais uma revisão. Sim eu disse ele volta e não voltamos. Estou triste com ele. Então não é que ele foi a consulta e não me chamou? É certo que estava no jardim a amamentar a minha pequena cria, mas caramba, se fosse para ficar no jardim não teria ido... Embora ele me tente explicar que foi sem intenção, a mim não me convence e nada me tira da ideia que ele queria estar sozinho com a médica. Acho que no fundo não confiou em mim e é por isso que estou triste. Estamos nisto juntos e uma pessoa preocupa-se... Magoei.

quinta-feira, 19 de novembro de 2015

ISTO DE SER MÃE #6

O meu filho é o único que gosta de me ouvir cantar.

Como eu me vejo:

Como o meu filho me vê:

Como o meu marido me vê:


Mãe sofre.

quarta-feira, 18 de novembro de 2015

segunda-feira, 16 de novembro de 2015

SOBRE OS ATENTADOS.

Pensei em não comentar, mas se até o Bruno de Carvalho pode dizer tudo como os parvos, então porque não poderei eu dar a minha opinião? Afinal de contas, je suis Charlie - embora por vezes as pessoas não saibam o que significa.

Ora vamos lá à liberdade de expressão.

Actualmente parece existir uma hipocrisia enorme nas redes sociais, em que as figuras públicas (e não só) têm que ser todas da mesma opinião, defendendo o bem e sabes-se lá mais o quê. Que fachada! Lembram-se da polémica com o Pedro Barroso? Deu a sua opinião e quase foi excomungado (mais informação aqui). Que vergonha! 

O assunto do momento é Paris e os atentados que foi alvo. Ora se há pessoas que acreditam, tal como eu, que hajam terroristas infiltrados no meio de tanto refugiado - PORQUE OS HÁ - porque não se respeita esta opinião? Por que se tem que defender com todas as forças os sírios?


Sendo que é humanamente impossível controlar quem entra  - já que a maioria chega sem documentos - sinceramente o melhor era ficarmos como estamos uma vez que os que temos por cá já nos dão dores de cabeça suficientes - ou será necessário mostrar ao mundo que somos os mais fofinhos e acolhemos toda a gente? Porém, eu até compreendo esta acção, não iríamos agora virar as costas mas sejamos sinceros e mostrem os vossos receios! Sejam conscientes e honestos e admitam que há terroristas no meio deles. Não contem comigo para campanhas descabidas e de coração aberto para os refugiados. Estarei sempre de pé atrás, assim como estou com qualquer um, até com o meu vizinho do lado.

Quem defende piamente os refugiados é porque não tem familiares em Paris, porque se tivessem, tal como eu, dois familiares a passear por Paris e se não soubessem notícias deles por breves mas eternos segundos, então aí iriam desejar outro tipo de coisas. 

Mas isto é tudo uma moda, neste momento não se pode criticar nada que se é logo racista ou xenófobo! Não há pachorra para esta perseguição. Se querem deitar areia para os olhos, os meus não estarão à vossa espera. Lamento.

Mais, a CMTV com actualizações constantes mostrou ser a única TV à altura para quem queria saber novidades ao minuto, foi muito útil.

Agora é rezar para que estes meus familiares cheguem hoje, sãos e salvos, e que este pesadelo termine, pelo menos para já.

sexta-feira, 13 de novembro de 2015

SUGESTÃO DE FIM-DE-SEMANA: PARGO ASSADO NO FORNO.

Com o marido pescador, peixe de qualidade nunca falta cá por casa.
Hoje sugiro-vos pargo assado no forno:


Como ele chegou tarde, guardei o pargo no frigorífico apenas com sal para fazer no dia seguinte.
Depois de escamado e devidamente arranjado, fiz uns cortes no lombo e temperei-o já na travessa de ir ao forno.




Para o tempero utilizei: 1 tomate, 1/2 pimento, 3 cebolas, 4 dentes de alho, sal aromatizado (feito por mim), pimentão-doce q.b.; vinho branco; azeite. 


Depois de marinar durante 2h, acrescentei as batatas e levei ao forno:


Bom apetite!

quinta-feira, 12 de novembro de 2015

DESEJOS DE NATAL.

Intercomunicador.

Eu sei que é um desejo um pouco esquisito, mas mudam-se os tempos, mudam-se as necessidades vontades.

Para quem tem filhos, qual a vossa opinião sobre o intercomunicador?

quarta-feira, 11 de novembro de 2015

11 DE NOVEMBRO.

Faz hoje precisamente um aninho que vi o meu teste positivo. O relógio marcava perto das 7horas quando fui à casa de banho. Minutos depois lá estavam elas, as duas riscas. Marotas que quase me tiraram o ar. Acho que por breves segundos paralisei, depois andei de um lado para outro e a única pergunta que me assombrava era: e agora? Ai, e agora... Bem, respirei fundo, muito fundo até, e saí de casa minutos depois. Não contei nada a ninguém, nem a ele que dormia profundamente. Ainda hoje me pergunto como aguentei o dia inteiro sem dizer nada. Não sabia o que fazer e muito menos por onde se começava - decidi então, depois de almoço, ligar para o Centro de Saúde para entrar em contacto com a Enfermeira do Médico de Família que só me viria a receber na semana seguinte. Que eternidade!!
Levei o dia a pensar como daria a novidade ao papá que ficaria radiante, disso tinha eu a certeza. Chegada a hora do jantar, coloquei a mesa para três e quando ele chegou e reparou no pormenor houve uma explosão de sentimentos e receios. 
Hoje, passado um ano e pais de um bebé lindo de 4 meses, somos um casal mais completo e também mais cansado - faz parte, segundo dizem. Mas haja saúde e boa disposição que tudo se resolve!

Por fim, e tal como tinha prometido, é dia de anunciar o vencedor do Passatempo de São Martinho.

E o feliz contemplado é...

agulhasepinceis

Muitos parabéns! 
Por favor envie-me os seus dados para opinioesemteia@gmail.com.

Obrigada a todos os que participaram.

segunda-feira, 9 de novembro de 2015

QUERIDO, MUDEI DE CASA #6

E porque o pequeno Santi faz hoje 4 meses (como o tempo voa!!!) vou falar-vos do quartinho dele.
Neste momento o quarto está minimamente montado, já temos a mobília, o candeeiro, mas parece que falta qualquer coisa... Preciso de uma ideia txanan para o quarto do meu filho! Inicialmente idealizámos um quarto muito clean, onde o branco seria a cor predominante, contudo agora parece-nos pouco acolhedor e pouco deslumbrante.

É certo que se trata apenas de um quarto de bebé, mas nós queremos fazer o nosso melhor e torná-lo digno de capa de revista.

Esta tarde debrucei-me sobre algumas ideias:














Depois mostro-vos o resultado final!

Mãos à obra!

sexta-feira, 6 de novembro de 2015

quinta-feira, 5 de novembro de 2015

ISTO DE SER MÃE #5

E as saudades que eu tenho de um belo copo de vinho tinto?

Há um ano que estou de jejum!!

Mas é por um bom motivo, eu sei.

quarta-feira, 4 de novembro de 2015

QUERIDO, MUDEI DE CASA #5

Quando se muda de casa, há sempre qualquer coisa que não queremos manter.

Eis o meu caso:


Organizadores/suportes de parede.

A não ser que se tenha disponibilidade para limpar todos os dias, na minha opinião (que vale o que vale), estes organizadores servem apenas para apanhar pó e gordura. No meu caso específico tinha: suporte magnético para as facas, suporte para panos da loiça e suporte para frascos de especiarias. Lindo e maravilhoso - ninguém duvida - mas requer uma manutenção que neste momento não estou disposta a praticar. Chamem-me o que quiserem, porém só quem tem percebe. Agora tenho tudo guardadinho em gavetas e armários para ser mais higiénico. Temos pena.

terça-feira, 3 de novembro de 2015

ISTO DE SER MÃE #4

Estávamos nós a pensar que iríamos introduzir as sopas já este mês quando a pediatra nos diz: "nem pensar, guarde as sopas e as papas para depois dos 6 meses! O seu filho está óptimo e o leite materno é o melhor que ele pode ter."

Sabem o que lhe respondi? 
- E como explico eu isso às avós?

Sendo ela muito prática disse-me logo: o filho é seu e você (vocês) é que decide (decidem).

Ai se fosse assim tão simples... elas já acham que o miúdo passa fome, agora então é que vai ser uma dor de cabeça para elas!

Adiante.
Ansiedades à parte, o Santiago, agora com quase 4 meses, está lindo e maravilhoso e delicia-nos dia após dia! Sou uma mãe babada!

sexta-feira, 30 de outubro de 2015

SUGESTÃO DE FIM-DE-SEMANA: MOUSSE DE AMENDOIM.

Fácil, rápida e com sabor a Snickers, a mousse de amendoim é uma das sobremesas favoritas cá de casa. Fiquem com a receita e deliciem-se! 

Ingredientes: 3 pacotes de natas; 1 lata de leite condensado; 3 ou 4 folhas de gelatina; manteiga de amendoim a gosto (eu coloco 2 colheres de sopa).



Bom fim-de-semana!